terça-feira, 21 de outubro de 2008

Estatísticas

Assim de repente, 50% de todos os Pedros que conheço são uns *%&$%#$. O mesmo vale para os Carlos. Haverá nomes que fomentam propensão para a sacanice? Ou será o número de pessoas que conheço insuficiente para tirar dados estatísticos?

2 comentários:

Mr Fights disse...

Eu cá só acho isso com as "Inêses"...

E os meus amigos andam todos a chamar Inês às filhas! LOL!

bernardo disse...

há um capítulo no «freakonomics» relaicionado com isto :P