sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Blinker

Pergunta de um jornalista: [when you were invited to be on the ticket for vice-president] And you didn't say to yourself: are you experienced enough, are you ready?

Palin: I answered yes [...] knowing that you can't blink, you have to be wired in a way of being so commited to the mission - the mission that we're on - reform of this country and victory of the war that you can't blink.


É muito assustador... Serviço de missão é louvável, mas quando é cego (apesar dos olhos abertos que não pestanejam) é perigoso. Para mim um bom líder tem de ser prudente e pensar bem nas coisas.

3 comentários:

The blogger disse...

Certamente, ainda para mais quando se trata da eleição para os cargos políticos da superpotência. A política é mesmo como (ou pior) do que a previsão meteorológica. O pior é que se um é manipulador inexperiente o outro tem uma VP muito dada a dúvidas... o pior disto é que a Hillary (a mais competente de entre todos eles) foi afastada pelas regras do jogo. Agora é esperar no que a novela vai dar.

Fica bem

andré disse...

Eu sei que isto não vem grande coisa ao caso. (Eu já disse em baixo o que tinha a dizer sobre a senhora palin.)
Mas vive-se agora o queer lisboa, não nos queres dar a tua opinião? Sobre a programação, sobre o festival, sobre...
Enfim, longe de mim estar a dizer-te o que escrever, mas como já te disse aqui considero muitíssimo as tuas opiniões, pelo que perguntar não ofende. Eu pergunto.
Um abraço

/me disse...

Olá André. O queer Lisboa é um festival de cinema gay, não é? Não sei muito sobre isso, lamento. :) Mas obrigado pela consideração ao perguntares.

Em qualquer caso, gosto imenso de cinema. Geralmente não acho grande piada a "cinema gay" porque costumo achar os filmes fraquitos. Mas há um ou dois de que gosto.